BLOG

Guia prático: cinco dicas para transformar seu negócio com inovação

A inovação é muito mais do que uma palavra da moda. Na verdade, de acordo com o anuário Valor Inovação Brasil 201785% das 150 empresas mais inovadoras do país colocam essa política entre as três principais do negócio e 20% definem a inovação como a principal estratégia corporativa. Ao incentivar a cultura criativa dentro da empresa, essas companhias buscam diferenciais competitivos que podem melhorar ainda mais resultados já positivos ou até tirá-las o mais rápido possível da crise.

Por isso, a inovação é essencial, independentemente do ramo ou do porte da empresa. Mas, promover esse ambiente fértil para ideias incríveis não é tão simples. Por isso, selecionamos aqui cinco dicas de como fazer, na prática, do seu negócio uma empresa inovadora. Mas, primeiro, o que é inovação?

Como assim, inovação?

Inovar é encontrar novas soluções. Ou seja, podem ser estratégias, produtos, serviços, políticas ou processos internos criados que reinventem um cenário para melhor. Uma busca por oportunidades para ganhar mais, reduzindo os custos.

Há dois tipos de inovação: a que melhora um processo existente e a que cria algo novo. Para simplificar, pense em uma empresa que fornece copos descartáveis para os funcionários, mas inova fornecendo canecas reutilizáveis de brinde e promovendo uma campanha para o uso consciente do plástico. Há uma redução de custos ao não ser mais necessário comprar copos (e um ganho em sustentabilidade) mas não foi criado nada novo. É apenas uma forma diferente de realizar o mesmo processo: beber água na empresa.

Por outro lado, a inovação que cria algo novo, também conhecida como inovação disruptiva pode ser a criação de um novo serviço ou produto. Como o clássico caso da Apple que revolucionou o mercado de música com a criação do gadget iPod em 2001. As duas formas são muito desejáveis, desde que alinhadas com os objetivos gerais da empresa.

Agora que você já conhece melhor os conceitos, vamos às dicas:

1 – Lembre-se sempre do cliente

As maiores fontes de inovação para uma empresa – e sua razão de existir – são as necessidades do público que ela atende. Ou seja, conheça bem as pessoas e os parceiros que estão no seu radar. Dali podem sair anseios e demandas latentes. Valorize os feedbacks que recebe e busque sempre olhar para o processo produtivo do seu negócio sob uma perspectiva de tentar encontrar pontos que podem ser aprimorados. Atender melhor o cliente é uma das melhores justificativas para inovar.

2 – Foco na missão e nos objetivos da empresa

Mas, não basta querer satisfazer todas as vontades de um cliente. Se você tem uma barbearia, mesmo que perceba que seus clientes estão sempre à procura de um supermercado, não parece uma boa ideia oferecer esses dois serviços no mesmo estabelecimento. Afinal, você sabe aonde você quer chegar com seu negócio e de que forma quer que sua empresa participe da sociedade. Abraçar mais do que é capaz pode ser algo muito ruim para qualquer organização. Por isso, as inovações devem estar perfeitamente alinhadas com isso.

3 – Melhore os processos internos

Além das demandas externas, a inovação pode estar presente dentro da sua empresa. Na verdade, essa é uma ótima solução para cortar gastos: focar em inovação internamente. O exemplo citado acima – da substituição dos copos descartáveis – é uma amostra do que estamos falando neste tópico.

Outro é aproveitar os benefícios da tecnologia para agilizar processos antigos. Armazenamento de informações, elaboração de relatórios de viagens corporativas, controle de gastos, tudo isso pode ser feito digitalmente. O que é muito mais seguro, barato e prático. Enfim, é preciso passar um pente fino nos processos, equipamentos e rotinas internas tentando encontrar formas mais eficientes e baratas de realizá-los.

4 – Inovação constante

Não vale a pena correr atrás da inovação só quando a situação está dramática. Muito pelo contrário, quanto mais constante o processo, melhor. Os resultados são mais consistentes e, melhor ainda, a empresa mantém-se atualizada em relação às práticas dos concorrentes e das tendências do mercado. Sempre é possível encontrar uma solução melhor para algum procedimento ou demanda. Abrir mão disso é literalmente jogar fora inúmeras oportunidades que podem surgir de uma política consistente de inovação.

5 – Incentive uma cultura criativa

Essa política de inovação que acabamos de citar conversa diretamente com este último tópico, a cultura criativa. Um modo muito eficiente de encontrar inovação dentro da empresa é quando todos os funcionários são motivados e engajados a contribuir para o processo. Estimulados por meio de bonificações, prêmios ou outras formas de reconhecimento.

Além disso, as empresas que podem dedicar funcionários para ficar exclusivamente focados em encontrar soluções inovadoras para os desafios cotidianos, geralmente, são muito mais dinâmicas e têm mais chances e sucesso no mercado.

Como você pode ver, a inovação pode revolucionar uma empresa e, melhor ainda, os resultados que ela alcança. Tudo isso gasta dedicação e, acima de tudo, um entendimento detalhado das pessoas que fazem parte do seu negócio. Caso esteja interessado, clique para continuar lendo nosso artigo “Como a gestão de pessoas pode potencializar os resultados da sua empresa?

Fonte: ZAG

Compartilhe nas Redes Sociais

Outros Artigos

Nuvem

CE | RN | PE | SE | BA | MG | SP - Telefone: (85) 3119.5969

Golden Technologia © 2018 - Todos os direitos reservados.
Termos de Uso | Política de Privacidade

Nunan